Nacionalidade
usa Estados Unidos
Posição
Ala-Armador
Altura
1,94m
Peso
88kg
Time Atual
Texas Tech Red Raiders
Universidade
Season:

Idade: 18 anos
País: Estados Unidos
Universidade: Texas Tech
Experiência: freshman (primeiro ano universitário)
Posição: ala-armador
Altura: 6’4’’ (1.93m)
Envergadura: 6’10’’ (2.08m)
Peso: 88.5 kg

Médias na última temporada: 15.0 pontos, 4.0 rebotes, 2.2 assistências, 1.3 roubos de bola, 0.7 tocos, 2.0 erros de ataque, 44.2% de aproveitamento nos arremessos de quadra, 42.6% de conversão nos tiros de três pontos e 64.1% de acerto nos lances livres em 31.2 minutos de ação por partida

PONTOS FORTES

– Ramsey tem quase todos os atributos físico-atléticos que espera-se de um ala-armador profissional: combina corpo forte e envergadura de elite para a posição, com explosão e impulsão impressionantes;

– Sensacional jogador operando em transição, com a quadra aberta, especialmente ao preencher linhas de passe sem a bola nas mãos. Sua impulsão proporciona algumas das enterradas mais impressionantes da turma;

– Ativo movimentando-se sem a bola para dar opção de passe aos companheiros. Possui uma noção sólida de posicionamento para espaçar a quadra, que deve ser até melhor aproveitado na NBA;

– Embora não seja um grande passador, Ramsey é um atleta voluntarioso com a bola nas mãos e não segura posses em demasia. O fato de ser um pontuador não o faz um ball hog;

– Converteu quase 43% de seus arremessos de três pontos na última temporada em 5.2 tentativas por jogo – um excelente índice –, mostrando uma mecânica de tiro bastante compacta;

– Trata-se de um chutador que exibe flashes de mais dinamismo, não sendo unicamente uma ameaça no catch and shoot. É mais do que capaz de acertar pull ups em transição, por exemplo, o que coloca pressão nas defesas;

– Ramsey é um reboteiro produtivo para sua altura e posição, que pode estabelecer e proteger espaço próximo da cesta com seu físico, além de cobrir muito espaço por conta de sua envergadura;

– Potencial defensor disruptivo com sua combinação de envergadura, condição atlética e instintos agressivos: quebra linhas de passe com boa noção de antecipação e é um dos melhores guards protetores de aro do basquete universitário;

– Sua imposição física permitiu que defendesse todas as posições de perímetro na NCAA e, com a NBA recorrendo a formações baixas constantemente, é possível que essa capacidade se traduza entre os profissionais;

– Com apenas 18 anos, Ramsey já tem um corpo bem desenvolvido e capacidade atlética de elite. Mostrou uma habilidade em excelência na última temporada: o arremesso de longa distância. Existe muito upside a ser trabalhado aqui.

PONTOS FRACOS

– Se existe uma questão física em que o prospecto deixa a desejar é a estatura: os seus 1.93m de altura não são ideais para um ala-armador profissional. É possível que esteja em desvantagem contra a maioria dos oponentes na NBA;

– Ramsey agride muito pouco o aro para um jogador com sua força física e atleticismo. Cobrou apenas 2.9 lances livres em seu ano por Texas Tech, mesmo atuando mais de 30 minutos por noite;

– É um finalizador surpreendente ruim próximo da cesta, aproveitando pouco mais de 52% de suas tentativas dentro do garrafão. Não é o jogador mais físico ou criativo em torno do aro;

– Sua seleção de arremessos ainda pode melhorar, especialmente pensando no basquete profissional: tenta muitos tiros de média distância e contestados quando tem caminho e condições para atacar a cesta;

– Controle de bola abaixo da média para um atleta de armação, sem grandes mostras de movimentos mais elaborados e mudança de direção, o que limita seu potencial atacando closeouts e criando separação para marcadores;

– Simplesmente não se trata de um criador de arremessos para outros: sua proporção de 1.1 assistência por erro de ataque é mediana, não exibe visão de quadra particularmente apurada e limita-se a passes burocráticos na execução de meia-quadra;

– Converter apenas 64.1% de 2.9 lances livres tentados por partida é um sinal bastante desanimador sobre seu potencial como arremessador no próximo nível, já que esse é o melhor indicador de eficiência projetada para chutadores da NCAA para a NBA;

– Ramsey é um defensor impressionante em momentos específicos, mas, de forma geral, parece ser extremamente inconstante e indisciplinado. Costuma apresentar esforço variável de lance para lance;

– Por sua única temporada no basquete universitário, o prospecto pode ser definido como um grande arremessador. Mas o que ele oferece regularmente ao seu time quando os chutes não estão caindo?

Projeção: segunda metade da primeira rodada